Peteca Porto Alegre #8

Dia 12 de setembro, quinta-feira, na Casa de Cultura Mario Quintana, acontece o oitavo encontro Peteca de Porto Alegre e região. O formato será uma roda de conversa e o tema será “Nostalgia como motor criativo: Homebrews, tributos e a armadilha do revisionismo”. Não há inscrição ou taxa de ingresso, basta estar presente para participar.

Vivemos na era da pós-verdade, e o advento do revisionismo histórico se alastra por todos os campos da informação e comunicação. Os jogos não ficariam atrás.

Tivemos faz pouco tempo um exemplo do que o capital da informação pode fazer com uma população inteira, elegendo um presidente na base de pós-verdade e boatos. A famigerada Nintendo não muito tempo antes começou um movimento preocupante de epistemicídio e historicídio da própria história em pról de uma nova estratégia de marketing visando lucro.

Nós sabemos os perigos do revisionismo histórico, então seria a Nostalgia obrigatoriamente uma potência tóxica ou existe construção positiva em revisitar o passado?
Qual o papel da nostalgia na arquivologia da nossa história? Quais os papéis dos tributos e da cena homebrew para a preservação da nossa memória?
Como podemos usar nossa memória afetiva como motor criativo sem cair nas armadilhas da nostalgia tóxica?
Seria a nostalgia uma potência de combate à obsolência tecnológica? ou seria uma parceira?

Bora discutir? 🙂


Mais informações no evento do Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *